• tatigarbarz

O que fazer em Caraíva a noite

Opções do que fazer em Caraíva a noite não irão faltar. No pôr do sol, você já tem a primeira atração. Os melhores lugares para assisti-lo é na Praia da Barra ou em uma das mesas dos restaurante na beira do rio.


Um dos mais disputados é o Boteco do Pará, famoso pelo pastel de arraiá, cerveja gelada e pratos da culinária baiana. Patioba, Beira Rio e Buxixo/Pelé são outros que gostamos. Assistir a esse espetáculo enquanto degusta um café e um docinho na Loja, também é uma boa pedida.


Consulte o horário e fique por pelo menos meia hora. Prepare-se para se surpreender com um pôr do sol diferente a cada dia, nunca é igual! E, depois que o sol se for, os degradês de cores no céu também encantam e rendem belas fotos.



O que fazer em Caraíva a noite


Depois do pôr do sol é hora de tirar o biquíni e se preparar para curtir a noite.


As construções baixas e pouca luz (iluminação subterrânea) deixam a vila muito charmosa. Um convite para caminhar na beira do rio e apreciar o céu.


Se estiver na praia ou em áreas mais escuras irá se surpreender com um mar de estrelas de tirar o fôlego. Caraíva tem o céu mais estrelado do Brasil.


No período da lua cheia, não deixe de ver a lua nascer no mar e de celebrar a sua chegada no Awê, ritual Pataxó nas comunidades indígenas do Porto do Boi ou Barra Velha.


Lugares para jantar


Os restaurantes ficam concentrados na beira do rio. Há opções para um lanche, como tapiocas caprichadas (algumas com ingredientes locais como o biribiri) e o acarajé da Paty; as esfihas tradicionais da Esfiha Caraíva; e os lanches incríveis da Auê Grill, no Beco do Lagoa.


Entre os restaurantes, a pizza e o clima à luz de velas do Bar do Porto são sensacionais. Lá sempre tem música ao vivo. Bem próximo, está o Jacarandá da Bahia, com pratos contemporâneos lindos e deliciosos.


Outro restaurante imperdível é a tradicional Caraíva Cachaçaria, com dadinho de tapioca entre os petiscos, caipirinhas maravilhosas e pratos variados.


Esquenta para esticar a noite


Por volta de 21h, o movimento começa no Beco da Lua. Vizinho da Vila Auê, o espaço lembra um food park, com barracas de comidas, drinks e música.


Clima de descontração e paquera, que costuma ser o esquenta para o forró - que não começa antes de meia noite e meia.


Em alguns dias da semana, outros bares abrem as portas com bons drinks, petiscos, samba e brasilidades.


O Forró de Caraíva


Caraíva, com certeza, faz parte do roteiro dos forrozeiros.


São duas casas: o Forró do Ouriço e o tradicional Forró do Pelé. Em nenhuma delas o forró começa cedo, chegue por volta de meia noite e meia.


Trios famosos costumam se apresentar durante todo o ano.


Na quinta, o som da zabumba é no Forró do Pelé. Na sexta é a vez do Ouriço. E no sábado, no Pelé novamente. Eles alternam.


Na alta temporada, tem todos os dias. E na segunda, geralmente é o único dia em que os dois abrem.


Em qualquer um deles, quem abre o salão é Duca, moradora antiga e forrozeira nata. Certamente você já terá visto as pinturas que ela faz, espalhadas pela vila. Ela tem o Canto da Duca, restaurante vegetariano (famoso pela sobremesa Nega Maluca) e ateliê.


A bebida mais pedida no forró: Netuno. Bebida regional que é um misto de catuaba, licor e gengibre.


Com certeza, você vai dançar e suar a noite inteira.

Se for até de manhã, aproveite e vá ver o nascer do sol na praia.


Caraíva no verão


A programação noturna fica intensa no verão.


O Coco Brasil realiza, na beira da praia, os samba do Caraivana (grupo formado em Caraíva por turistas e um nativo, Billy Joe) e convidados como Mariana Aydar, Mart’nália, Elba Ramalho, entre outros.


A noite de réveillon apresenta grandes festas, como a Awê.

Carnaval e São João são outras datas com noites agitadas e imperdíveis em Caraíva.

Tati +55 11 99115-3566 (só WhatsApp) |  Nilson +55 11 976160571  | contato@auecaraiva.com.br 

Rua da Lagoa, 1890 - Caraíva – Bahia – Brasil

  • Instagram - Black Circle